quinta-feira, 13 de agosto de 2009

"Social Crutch": DIPSOMANIACS!

Os Dipsomaniacs estão nessa por diversão. Mas também gostam de dizer suas verdades. Ironias que podem alfinetar mais que mil palavrões: a começar pela arte de capa – que mostra um garçon servindo drinks sob o título do álbum Social Crutch, (“Muleta Social”), em clara referência ao álcool; e o próprio nome do grupo - que quer dizer algo como “alcoólatras”. Mas é claro que ninguém está aqui pelas gracinhas ou espetadas temáticas do Dipsomaniacs. Os veteranos de New Jersey conhecem como poucos a receita de unir a crueza do garage rock com a sensibilidade melódica do pop.

Seu líder, Mick Chorba, não esconde a admiração por Replacements e The Who, mas deixa claro em suas canções que gosta das coisas do seu jeito. Chorba - que espraia sua criatividade também no The Successful Failures – domina e doma a eletricidade de sua guitarra do mesmo jeito que amacia e embeleza as tramas das suas melodias. Como na sintomática faixa de abertura “Together We Can Rule The World”, que pela força de seu poder pop envolvente realmente poderia conquistar o mundo nos seus dois minutos e dezesseis segundos de duração.

Apesar do título (“Largue Sua Guitarra”), os instrumentos das seis cordas rugem forte em “Drop Your Guitar” – lembrando que o Cheap Trick também é uma influência. A batida em ritmo quase circense de “Blame It On The Gin” não impede o refrão marcante e uma bela ponte melódica no meio da canção “Not Waiting Around” é pontuada por um órgão sobre camadas de guitarras e harmonizações vocais bem cuidadas. Já “Loretta After All” é uma power-ballad e “Wake Up Sue” um rock’n’roll envenenado de refrão adesivo.

“Kids On Base” fala dos garotos que ficam nas bases militares americanas mundo afora “aguardando as ordens do seu comando”. Enquanto a pegada cativante e vitaminada de “Oh Jose” contrasta com a maciez não-ingênua de “Wait And See”. E “Halo Around You” fecha Social Crutch, confirmando que, na verdade, os Dipsomaniacs são viciados – e viciantes – é na arte de eletrificar uma canção pop, nada a ver com copos cheios de gelo, tônica e gim.

www.dipsomaniacs.net
www.myspace.com/dipsomaniacs

2 comentários:

dbareas disse...

Pelas músicas do MySpace promete...

Disco já está a caminho, assim que ouvir comento aqui.

dbareas disse...

Um discaço de rock n'roll. Acho que nem é preciso falar muito mais que isso. Uma mistura de Cheap Trick, Fountains of Wayne e The Who, e um disco que não se pula uma única faixa.

Acho que vc vai concordar plenamente com uma frase que eu li numa resenha do disco:

"every Dipsomaniacs album comes with its complement of irresistible pop tunes that, in a better world, we’d hear on the radio every ten minutes"

É por aí..."Together We Can Rule the World" é daquelas que basta ouvir uma vez só e pronto, grudou.